Caruaru recebe residentes multiprofissionais em saúde

Nesta quinta-feira (07), foram recebidos 56 novos residentes que atuarão ao longo dos próximos 24 meses em Caruaru. Eles fazem parte de um programa de parceria entre a Asces-Unita e o Ministério da Saúde e corresponde a duas residências multiprofissionais na área de formação em Atenção Básica e Atenção ao Câncer e Cuidados Paliativos.

Estima-se que a população atingida, direta ou indiretamente, pelo programa chegue a uma abrangência de 120 mil pessoas, com alcance em 90% do município de Caruaru. A parceria teve início em 2016 e foram desenvolvidas mais de 10 mil atividades que beneficiaram a comunidade local. “Os indicadores de saúde mostraram que ocorreram várias melhorias nos serviços que os estudantes estão inseridos, onde podemos destacar a atenção ao paciente com câncer através de um olhar multiprofissional e integral, trazendo mais qualidade de vida e maior sobrevida durante o tratamento”, destacou a coordenadora da Residência em Atenção ao Câncer e Cuidados Paliativos, Adrya Peres.

A área de atuação para os residentes envolve mais de trinta unidades básicas de saúde, ocupando diferentes territórios. Os profissionais destacam-se também na esfera estadual, nos hospitais de referência, além dos privados conveniados ao SUS. “A residência ajuda a aproximar a Gestão da Academia, aumentando a inserção entre ensino e prática. O paciente precisa ser incluído num acompanhamento sistêmico, como se fosse uma linha do cuidado e isso está sendo possível em Caruaru a partir da atuação dos participantes do programa de Residência Multiprofissional”, analisou o secretário de Saúde de Caruaru, Francisco Santos.

“A expectativa é ótima! Eu espero contribuir de maneira progressiva, colher muito aprendizado e repassar isso para a sociedade, de forma contínua. A enfermagem está presente em todas as áreas da saúde, principalmente na atenção básica que é onde geralmente coordenamos os postos de saúde, dessa forma estamos presentes em todas as áreas na saúde da família. Particularmente pretendo realizar planejamentos em saúde, promover educação em saúde visando a prevenção de doenças, além, claro, de tratar as doenças”, explicou a residente em enfermagem, Rejane Nunes.

A Residência Multiprofissional é mais uma iniciativa pioneira no interior do estado de Pernambuco oferecida pela Asces-Unita, uma instituição privada e comunitária de ensino superior.

(Fonte: Asces-Unita)